ADIDAS RETIRA DAS LOJAS CAMISAS COM ALUSÃO SEXUAL AO BRASIL.

CAMISAS QUE FORAM RETIRADAS DAS LOJAS.

CAMISAS QUE FORAM RETIRADAS DAS LOJAS.

BRASIL- Após um pedido formal da Embratur, a Adidas anunciou na tarde desta terça-feira (25) a retirada dos pontos de venda de dois modelos de camisas que faziam referência à Copa do Mundo do Brasil com conotação sexual.

Uma das camisas estampa a frase “I love Brazil” (Eu amo o Brasil). O “love”, no caso, estava em formato de um coração de cabeça para baixo, com um triângulo simulando um biquini, o que transformava a imagem numa bunda feminina.

Na outra, em uma mulher de biquíni segura uma bola com frase: “Lookin´ to score in Brazil” (Buscando marcar gols no Brasil)”, numa suposta referência à conquista de mulheres.

Em entrevista coletiva esta tarde, o presidente da Embratur, Flávio Dino (PCdoB), comentou a carta enviada à empresa Adidas em que pediu a retirada de circulação de camiseta com alusão sexual ao Brasil.

“A Embratur trabalha para combater esse tipo de caso, principalmente no que diz respeito à mercantilização e comercialização do corpo da mulher. O povo brasileiro e, especialmente, a mulher brasileira merece respeito”, afirmou Dino.

Para Dino, as empresas que querem associar sua imagem aos atrativos turísticos do Brasil durante a Copa do Mundo devem seguir os parâmetros utilizados pelo governo federal há mais de uma década.

“E dentro desses parâmetros está a não aceitação da exploração sexual e, portanto, não tratar os corpos de homens e mulheres brasileiros como atrativos turísticos”, afirmou. “Em casos como este, a primeira ação da Embratur é preventiva, de entrar em contato com a empresa responsável pela fabricação e comercialização dos produtos”.

Você pode gostar...