Assassino de ex-companheira é preso em Caxias; crime foi motivado por ciúme.

Manoel Natalino da Silva Neto, de 20 anos, autor do assassinato de sua ex-companheira, Kaiza de Sousa Lacerda, de 23 anos.

CAXIAS/MA – Policiais do 2º BPM da cidade de Caxias, a 361 km de São Luís, prenderam, na tarde desta segunda-feira (1º), Manoel Natalino da Silva Neto, de 20 anos, autor do assassinato de sua ex-companheira, Kaiza de Sousa Lacerda, de 23 anos, no bairro Vila Lobão.

O assassino foi preso após familiares passarem informações sobre seu paradeiro à polícia. Ele estava escondido em uma casa no Beco do Berilo, no bairro Volta Redonda.

De imediato, segundo informações do Coronel Márcio Silva, comandante do 2º BPM, foi montada operação com equipes do Grupo de Operações Especiais (GOE), a viatura do Chefe de Operação da Unidade e Esquadrão Águia.

Em seguida, foi feito cerco à residência e nas ruas do entorno. Ao perceber a presença da PM, Manoel Neto empreendeu fuga pelos fundos do quintal da casa, sendo alcançado pelo Esquadrão Águia. Ele foi preso e conduzido à Delegacia Regional.

Em depoimento, ele assumiu a autoria do crime e disse que, após a festa, discutiu com a ex-companheira e a matou porque ela estava acompanhada do atual namorado.

Em seguida, ele disse que a faca utilizada no crime estava na casa de uma pessoa da família. Policiais foram ao local indicado pelo assassino para apreender a arma branca.

O crime

Kaiza de Sousa Lacerda, de 23 anos, foi assassinada na madrugada deste domingo (31), no bairro Vila Lobão, em Caxias (MA), com uma facada no pescoço, após sair da festa da Carol.  O crime ocorreu em via pública, por volta das 2h.

A mulher, de 23 anos, já havia registrado um boletim de ocorrência contra ele, por violência doméstica, com lesão corporal. Ela era sobrinha do ex-vereador Luís Lacerda, deixou três filhos menores e completaria 24 anos no próximo mês de maio.

 

Você pode gostar...