COM REQUINTE DE CRUELDADE MULHER ATEOU FOGO EM QUITINETE, E QUEIMOU 80% DO CORPO DO NAMORADO.

Marcela Martins Silva.

Marcela Martins Silva é acusada.

BACABAL – Enquanto Nataniel Farias de Aguiar Filho, 41 anos, motorista da empresa de segurança Geoforte, luta contra a morte em um leito do Hospital Dr. Clementino Moura – Socorrão II, em São Luís, sua namorada Marcela Martins Silva (foto acima) está sendo procurada pela polícia acusada de ter jogado gasolina e ateado fogo na quitinete onde passou a morar desde que iniciou o namoro com  a vítima, que teve 80% do corpo queimado enquanto dormia. O crime aconteceu na última segunda-feira (7), no Bairro da Janaína. Segundo informações, os dois haviam discutido durante boa parte da manhã do dia anterior e, em seguida, Marcela saído de casa ameaçando voltar para matar o namorado. Na madrugada da segunda-feira, por volta de 1h30, ela retornou.

As chamas se alastraram rapidamente destruindo praticamente tudo que havia no imóvel. Ferido, Nataniel Farias foi socorrido e encaminhado para o hospital onde continua internado. Ele sofreu queimaduras de 1º, 2º e 3º graus. Ludovicense, a vítima tem alguns familiares em Bacabal, entre eles, a sua tia Maria José Aguiar Mendes (Zezé do Sarney), professora no Campus da UEMA, e a irmã Sílvia Matos, funcionária da Secretaria Municipal da Mulher. Toda a família e amigos de Nataniel torcem agora por seu restabelecimento e esperam que a acusada seja encontrada o mais rápido possível. 

 

FONTE: SÉRGIO MATIAS

Você pode gostar...