Corregedora Anildes Cruz recebeu em reunião a juíza Cristiana Ferraz.

Corregedora Anildes Cruz recebeu a juíza Cristiana Ferraz.

Corregedora Anildes Cruz recebeu a juíza Cristiana Ferraz.

MARANHÃO – Depois de proferir despacho recebendo a denúncia do promotor Paulo Roberto Barbosa Ramos, titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica de São Luís, no “Caso Sefaz, a juíza Cristiana Ferraz, que responde interinamente pela 8ª Vara Criminal de São Luís, foi à Corregedoria-Geral de Justiça.

Ela foi recebida nesta segunda-feira (7) em audiência pela corregedora-geral, desembargadora Anildes Cruz, e pelos juízes auxiliares da Corregedoria, José Américo Abreu (Segurança Institucional), Rosária Duarte (Serventias Judiciais) e Sara Gama (Serventias Extrajudiciais), também participaram da reunião.

O encontro ocorre após uma crise aberta pelas desastradas declarações do representante do MP no caso – durante coletiva na semana passada, ele acabou se atrapalhando com as palavras e antecipando uma decisão da magistrada, e depois admitindo que não foi “feliz” ao citar acordo com a juíza.

Durante a reunião, segundo nota do TJ, a corregedora reafirmou confiança na magistrada “e ressaltou que a independência e convicção dos juízes em suas decisões devem ser respeitadas”.

 

Você pode gostar...