Crianças que tiveram bola confiscada por vizinha ganham terreno para jogar futebol na sua cidade

Meninos que tiveram a bola confiscada por vizinha em Presidente Dutra (MA) ganham terreno emprestado para jogar futebol.

PRESIDENTE DUTRA/MA – Cinco dias após a história viralizar na internet, o grupo de crianças que tiveram a bola confiscada pela vizinha e que procurou a delegacia no município maranhense de Presidente Dutra, a 307 km de São Luís, ainda estão colhendo frutos por conta do fato inusitado. Dessa vez, as crianças ganharam uma área emprestada para jogar futebol e não correr o risco de ter a bola confiscada mais uma vez.

O local, que fica próximo onde os meninos costumavam jogar futebol, estava sem uso e coberto por mato. Entusiasmados com o presente, as crianças estão ajudando na limpeza do local para começar a fazer uso dele o quanto antes.

Antes disso, os meninos que são apaixonados por futebol, jogavam em uma rua que era transformada em campinho. Com muita criatividade, eles usavam as sandálias como traves e os pés davam ritmo à brincadeira que é uma das principais diversões para crianças do município no interior do Maranhão e que possui 47 mil habitantes.

ENTENDA O CASO

O caso das crianças viralizou na internet na última sexta-feira (10). Em um dos lances da partida de futebol, a bola que era usada por eles caiu na casa de uma vizinha que confiscou o objeto. Chateados com a situação, os meninos tiveram a decisão inusitada de procurar a delegacia do município para reclamar.

De acordo com as crianças, Kelvin Coelho, de 12 anos, considerado o ‘líder’ do grupo, teve a iniciativa de procurar a autoridade policial.

“Nós tivemos essa ideia e a gente foi lá. A gente foi lá e falou com o delegado… opa primeiro com a mulher [recepcionista] e depois com o delegado”, disse Kelvin.

Você pode gostar...