Desembargador Jaime Araújo retorna ao TJ-MA após receber liminar do STJ.

Desembargador Jaime Ferreira de Araújo.

MARANHÃO – O Ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, concedeu na noite desta terça-feira (04) uma decisão liminar em favor do desembargador Jaime Araújo Ferreira, que tinha sido afastado em junho de 2014 das suas funções no Tribunal de Justiça do Maranhão, pelo plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Na época, o magistrado foi acusado de conduta incompatível com a magistratura na condição de integrante de banca examinadora de concurso para juiz que ocorreu em 2010. Um ano depois, o marido de uma candidata acusou o desembargador de ter assediado a mulher durante a prova oral do concurso.

Ao CNJ, Jaime argumentou que a candidata fez a acusação porque não foi aprovada no concurso e negou ter tido conduta irregular. No meio jurídico, o desembargador é conhecido como homem de conduta descente. Para amigos, a decisão desta noite apesar de demorada é um justo reconhecimento a dedicação de Araújo à vida pública.

 

Você pode gostar...