Desembargadores já começam a se movimentar visando eleição da Mesa Diretora do TJMA.

Sucessão da Mesa Diretora do Tribunal de Justiça do do Maranhão.

MARANHÃO – O recesso forense segue até o próximo dia 20 de janeiro, mas nos bastidores do judiciário maranhense já começam a surgir informações sobre a sucessão da Mesa Diretora do Tribunal de Justiça do do Maranhão. Com a eleição prevista para outubro, três desembargadores serão escolhidos para compor a presidência, vice-presidência e corregedoria, cargos estes ocupados por José Joaquim Figueiredo dos Anjos, Lourival Serejo e Marcelo Carvalho, respectivamente.

Caso o TJMA mantivesse a ordem de acordo com a tradição, a desembargadora Nelma Sarney, naturalmente seria eleita presidente para o próximo biênio 2020/2021, porém com a eleição de José Joaquim Figueiredo dos Anjos, que derrotou no voto a sua companheira do judiciário, criou-se uma nova situação, onde disputas eleitorais podem ocorrer e não mais a manutenção da tradição, onde o membro mais antigo era aclamado pela corte.

Mesmo com essa insegurança, Nelma Sarney figura como um dos nomes que pode assumir a presidência do TJMA. Porém, além da desembargadora estão credenciados para exercer a função, o atual corregedor-geral Marcelo Carvalho, a desembargadora Maria das Graças, assim como o atual vice-presidente Lourival Serejo e o desembargador Paulo Velten.

Na atual composição do pleno do TJMA, seis já passaram pela presidência, eles são: Antonio Fernando Bayma Araújo, Jorge Rachid Mubarack Maluf, Jamil de Miranda Gedeon Neto, Cleonice Silva Freire, Antonio Pacheco Guerreiro Júnior e Cleones Carvalho Cunha.

Você pode gostar...