ESTER MARQUES ATRAPALHA SEMANA DO TEATRO E O “COLETIVO TEATRAL” ENCAMINHA CARTA AO GOVERNADOR.

ESTER MARQUES E ZÉ AMÉRICO.

ESTER MARQUES E ZÉ AMÉRICO.

MARANHÃO – O auto-intitulado “Coletivo Teatral” de São Luís encaminhará nesta semana carta ao governador Flávio Dino (PCdoB) por meio da qual posiciona-se sobre a crise envolvendo a secretária de Estado da Cultura, Ester Marques, e o diretor do Teatro Arthur Azevedo, Américo Azevedo Neto.

O clima beligerante entre os dois ameaça a realização da Semana de Teatro do Maranhão. Ester tem feito o que pode (e o que não pode) para minar Américo – ele já praticamente não tem autonomia para resolver nada no Teatro.

No documento (veja aqui a íntegra) os artistas pedem a intervenção do governador para que o evento não seja prejudicado em virtude do “embate entre poderes e poderosos”. “Hoje o coletivo vê-se no embate entre poderes e poderosos, e diante das inúmeras palavras mal ditas nas redes sociais, vimos, através desta, nos manifestar diante de Vossa Excelência, para que nossa voz ressoe diretamente para o nosso representante maior e, principalmente, para que sejam tomadas decisões e ações que não prejudiquem a política cultural do Estado, que deve ser entendida como prioridade nas propostas de um governo para todos, como acreditamos que deva ser este”, diz o texto. A Semana de Teatro está marcada para maio.

 

 

FONTE: GILBERTO LÉDA

Você pode gostar...