GALEGO CAUSA PÂNICO NAS RUAS DE BACABAL; BALEOU E EXECUTOU UM RAPAZ COM TIRO NA CABEÇA.

Gledyson Gomes Vieira

Gledyson Gomes Vieira

Um menor conhecido como “Galego” continua fazendo jus ao título de “temido” e colocando as policias militar e civil no bolso.

Embora tenha atirado e ferido gravemente um de seus comparsas no começo da tarde desse domingo (19), tenha sido acusado de cometer assaltos, dentre outros crimes, o menor passeava livremente pela cidade.

Ao passar pela rua do Sol, bairro Setúbal, por volta de 1h da madrugada de hoje (20), ele voltou a se utilizar de sua arma de fogo. A vítima foi Gledyson Gomes Vieira, de 19 anos, que não resistiu ao tiro fatal disparado contra sua cabeça.

Segundo testemunha, o crime foi cometido porque “Galego” teria se incomodado como os comentários que Gledyson e outras pessoas haviam feito ao vê-lo passar.

A vítima não tinha passagem pela polícia, não era usuária de drogas e sonhava em ser jogador de futebol. O corpo da vítima foi encaminhado ao necrotério do Pronto Socorro Municipal e “Galego”, como sempre, fugiu sem que nossas autoridades policiais nada tenha feito para evitar que essa e outras vítimas tenham sido alvos da ira menor.


Bairro Trizidela

No bairro Trizidela, por exemplo, “Galego” também já fez muitas vítimas. Em novembro de 2013 ele apreendido durante uma operação que contou com a participação das policias militar e civil. Com o mesmo foi encontrada uma arma de fogo que provavelmente seria a mesma usada nas duas tentativas de homicídios que ele cometeu contra os irmãos Fernando e Paulinho, moradores da rua dos Prazeres.
Ainda segundo informações, Galego, teria uma “lista” de pessoas para matar.
FONTE: SÉRGIO MATIAS

Você pode gostar...