HOMENS INVADEM HOSPITAL E ATIRAM EM PACIENTE EM AÇAILÂNDIA-MA.

HOSPITAL DE AÇAILÂNDIA

HOSPITAL DE AÇAILÂNDIA.

AÇAILÂNDIA- Quatro homens  invadiram o Hospital Municipal de Açailândia,  por volta das 3h, e tentaram matar um paciente. O grupo foi direto para uma enfermaria onde  estavam cinco pacientes e quatro acompanhantes.

Segundo testemunhas, depois de invadirem o hospital os bandidos procuraram por um homem chamado  Zequinha, um paciente  de Buriticupu, que tinha dado entrada no  hospital pela manhã, com  um tiro no queixo. Sem respostas, os homens que estavam encapuzados atiraram em  um paciente  que aguardava atendimento ortopédico e não tinha nada a ver com a confusão.
Valter Lima da Silva também tinha vindo de Buriticupu com uma luxação no pé. Ele foi atingido com quatro tiros. Um deles, na cabeça. O homem, que segundo a  polícia foi confundido com Zequinha,  foi levado para Imperatriz em estado grave.

Quem presenciou a invasão, como médicos, enfermeiros e pacientes, diz ter vivido momentos de terror. “Perguntaram por uma pessoa, nós não soubemos responder e eles abriram fogo lá no rapaz. Era outro rapaz que eles estavam procurando, que já tinha dado saída do hospital mais cedo”, lembra Paulo Henrique Sousa, acompanhante.
Ainda de acordo com a polícia, Zequinha é o apelido de  José Ribamar. Ele foi atingido por um tiro no queixo durante uma briga em Bom Jesus das Selvas. Nessa confusão dois homens teriam sido mortos. Há suspeita de que  a ação no hospital em Açailadia tenha sido para vingar as mortes.

“Segundo o que apuramos, ele teve uma desavença na cidade de Bom Jardim, com um indivíduo que atende pelo nome de Nanau. Eles travaram uma luta em posse de uma faca e o Nanau acabou vindo a óbito”, contou o delegado José Rocha, que está à frente do caso.
A Polícia acredita que o atentado ocorrido no hospital esteja ligado a acerto de contas. “Acreditamos nessa hipótese, mas as investigações irão confirmar ou apontar outra linha de investigação”, reforçou o delegado.

Você pode gostar...