MANIFESTANTES CERCAM CARRO DE SARNEY E CHAMAM DE CORRUPTO E “BANDIDO”.

Por causa do tumulto, o motorista de José Sarney teve de levar o parlamentar até outra entrada do Congresso.

Por causa do tumulto, o motorista de José Sarney teve de levar o parlamentar até outra entrada do Congresso.

BRASÍLIA – O ex-presidente e senador José Sarney (PMDB-AP) foi impedido de descer do carro e entrar no Congresso por dezenas de pessoas que estavam no local nesta quarta-feira (3). Quando o automóvel do senador se aproximou, foi imediatamente cercado pelos manifestantes, que gritavam palavras como “corrupto” e “bandido” e chegaram a bater no vidro da porta do passageiro, onde estava Sarney.

Cerca de 50 pessoas se concentravam na entrada da porta do Congresso. Depois de um tumulto na noite de ontem, elas foram impedidas de entrar no plenário para acompanhar a sessão que tenta votar a mudança na Lei de Diretrizes Orçamentárias que vai beneficiar o governo da presidente Dilma Rousseff, flexibilizando a meta fiscal deste ano.

Você pode gostar...