MORTE NO PROTESTO EM BURITICUPU; PAI DA VÍTIMA TAMBÉM FOI ESFAQUEADO.

Populares interditam a BR 222 durante manifestação

Populares interditam a BR 222 durante manifestação

 

 

Durante todo o dia de ontem (21), moradores da cidade de Buriticupu realizaram um protesto contra a presença do exército na cidade. Segundo os manifestantes, os componentes da corporação estariam praticando estupros contra as moradoras. O exército está na região para ações de combate a extração ilegal de madeira.

Por conta deste bloqueio na BR-222, os motoristas estavam desviando caminho por meio de uma estrada vicinal. Alguns componentes da manifestação estariam cobrando pedágio para permitir a passagem na alternativa à rodovia.

Na tarde de ontem, em um desentendimento na cobrança do pedágio, Francinaldo da Silva Rodrigues, de 24 anos, foi morto a tiros de arma de fogo. Seu pai, Antônio da Silva Rodrigues, de 60 anos, foi esfaqueado com vários tipos de arma branca. Segundo o delegado Menezes, estariam abordando por dinheiro. O filho e o pai são da localidade Terra Bela, em Buriticupu.

Antônio da Silva Rodrigues está no hospital da região. O protesto continua.

Você pode gostar...