PM e Força Nacional reforçam patrulhamento na Grande São Luís.

Força Nacional e PM nas ruas da capital…

Força Nacional e PM nas ruas da capital.

MARANHÃO – As ações fruto da parceria entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) e a equipe da Força Nacional prosseguem com atividades de vistoria e monitoramento nos bairros da Região Metropolitana. Coordenadas pelo secretário de Estado de Segurança Pública, Jefferson Portela, os policiais da Força Nacional agem como reforço nas operações em curso realizadas pelas Polícias Civil e Militar do Maranhão. Nesta sexta-feira (27), foram montadas barreiras para revistas a pessoas e veículos em bairros e avenidas da Região Metropolitana.

A guarnição do 9º Batalhão de Polícia Militar, que cobre a área, percorreu várias ruas da Liberdade, com apoio de duas viaturas locais e uma da Força Nacional. Enquanto os militares maranhenses realizavam as revistas e abordagens, os homens da Força Nacional, posicionados em pontos estratégicos, faziam a cobertura para garantir o êxito da operação.

A cada parada das viaturas, cidadãos e veículos eram revistados. Durante as abordagens os policiais conversavam com a comunidade explicando a natureza da ação. A conversa com todos os moradores é um dos pontos fortes da operação.

O comandante do CPAM I, coronel Pedro Ribeiro, que coordena o trabalho ininterrupto desenvolvido na área, informou que as equipes vão permanecer com a atividade intensiva durante todo o feriado e fim de semana com o intuito de prevenir e evitar ocorrências diversas. “Nesse sentido, a equipe da Força Nacional vem somar com a nossa polícia que tem conseguido conter a onda de crimes com este trabalho permanente”, destacou. Além da Liberdade, o CPAM I cobre, ainda, os bairros Isabel Cafeteira, Alto do Turu e Vassoural com a operação intensiva.

O cronograma de trabalho inclui blitzen em áreas de grande movimentação, nos bairros mais demandados, nos Terminais de Integração e dentro dos ônibus. As ações são conjuntas com as outras instituições e tem participação dos sindicatos de empresários e rodoviários, gestão penitenciária do Estado e poder judiciário. O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Frederico Pereira, ressaltou que as ações continuarão sendo coordenadas pelo sistema de segurança, “agora com o auxílio também da Força Nacional”.

Contenção

Enquanto as equipes da Polícia Militar e Força Nacional agiam nos bairros, uma ocorrência foi detectada na comunidade do Cajupe, próximo ao São Raimundo, por volta das 16h. Houve uma tentativa de ataque a coletivo na área, mas que prontamente foi contida.

Quatro pessoas identificadas como autoras atentaram contra um veículo, mas apenas o banco do motorista foi atingido, uma vez que o fogo rapidamente apagado. Ninguém ficou ferido. O ônibus foi periciado e encaminhado à garagem. Com o trabalho intensivo desenvolvido pela polícia, os suspeitos foram identificados e a polícia iniciou um cerco ainda durante à tarde em uma área próxima ao local do atentado.

 

Você pode gostar...