PM prende Presidente de Colônia de Pescadores de Miranda do Norte por ficar com aposentadoria de associado

Documentos apreendidos.

MIRANDA DO NORTE/MA – A Polícia Civil de Miranda do Norte prendeu um suspeito durante busca e apreensão na manhã deste domingo (23), no Bairro Novo. O alvo da operação foi a associação dos pescadores da cidade, bem como a residência do presidente da referida associação, e tinha como objetivo apreender possíveis documentos pessoais de associados que poderiam estar sendo retidos pelo presidente da associação.

As investigações começaram depois que um associado procurou a polícia civil relatando que seu RG e seu CPF estavam em poder do investigado a cerca de 04 meses e que o mesmo se negava a devolver em razão de estar exigindo que a vítima fizesse um empréstimo consignado no valor de R$ 12.000,00 como pagamento dos trabalhos prestados pelo presidente da associação para aposentar a vítima.
A vítima ainda alegou que já recebeu três meses de sua aposentadoria, sendo que no primeiro mês, em novembro de 2019, recebeu 02 salários em razão de valores retroativos, mas que todos esses benefícios recebidos foram apropriados indevidamente pelo investigado, que, após pegar os valores ao saírem da agência bancária, repassava pequenas quantias ínfimas à vítima e retia novamente seus documentos pessoais, impedindo assim que este sacasse seu aposento sozinho no próximo mês.
Nas buscas foram apreendidos documentos pessoais de terceiros, bem como arquivos de processo de aposentadorias e de concessão de seguro defeso. O suspeito foi autuado pelo crime de apropriação indébita e foi solto após pagar fiança crime.
A Polícia Civil pede que alguém que se sinta lesado em algum benefício relacionado à referida colônia, tanto seguro defeso como aposentadoria, que procure a delegacia para esclarecimentos.

Você pode gostar...