Portal do Munim realiza entrevista exclusiva com o comandante de Policiamento do Interior da PMMA.

CORONEL PM ZÓZIMO COMANDANTE DO POLICIAMENTO DO INTERIOR DA PM (CPI/PMMA).

MARANHÃO – O Portal do Munim, através do diretor de redação tenente Carlos, fez uma entrevista completa com o comandante de Policiamento do Interior da Policia Militar do Maranhão (CPI/PMMA).

Depois de esplendida operação que prendeu Darlan Melo, 23 anos, o suspeito de ter assassinado o publicitário e designer Jesiel Sales Pontes, de 52 anos, e encontrado o veículo roubado na casa do homem identificado como Cleudir da Silva Anúncio, 36 anos, o “Mazinho”,  residente no povoado Mosquito, na cidade de Belágua. O comandante do CPI/PMMA, coronel PM Zózimo apresentou ao Portal do Munim números sobre a criminalidade na área dos municípios que compreende o sistema sediado em todo estado do Maranhão, e que atende às 213 cidades no total.

Os dados explanados se referem aos números de homicídio ocorridos nos anos anteriores, desde quando assumiu o comando do CPI/PMMA, em toda a área pela qual o batalhão é responsável. Foram registradas a diminuição de mortes, assaltos e roubo de veiculos. “Foram varias vidas salvas, apreensão de carros e motos roubadas Isso se deve a intensificações das prisões e abordagem. A polícia na rua trás sempre bons resultados”, comemorou o coronel.

Intensificar

Especificamente na região do Munim e Lençóis, por ser mais perto da capital maranhense a prática de assaltos vinha preocupando a população e os comandados do coronel. Pensando nisso foi intensificada a presença de militares nas cidades principalmente no centro comercial das cidades bem como nas saídas e entradas de estradas vicinais que dão acesso aos municípios. “As blitz nos dão uma resposta eficaz nesse combate à criminalidade. A população precisa entender e absorver que às vezes precisamos apreender os veículos que possuem restrições, pois são esses mesmos veículos que não andam conforme a lei que são usados para o crime”, explicou.

O comandante vem se reunindo com entidades sociais, sindicais e representações da sociedade civil organizada das cidades. Como aconteceu na cidade de Icatu.“Queremos uma polícia próxima dos órgãos de representatividade das regiões. Não se faz segurança pública sozinho, a contribuição de todos é essencial nesse processo”, ponderou Zózimo.

A tropa, de acordo com o coronel Zózimo, comandante de Policiamento do Interior da Policia Militar do Maranhão (CPI/PMMA), está em alerta para o novo período que se aproxima, que é o São João. “Sabemos que os feriado como foi o de semana santa, com a saída do indulto aos apenados às vezes é preocupantes, mediante alguns que não retornam ao presidio. Nosso efetivo de inteligência está fazendo o levantamento nas cidades das regiões mais próxima da capital por ser um grande centro, assim como todos batalhões também estarão inseridos nas operações previamente planejadas”, disse coronel Zózimo.

Você pode gostar...