89 PROFISSIONAIS ABANDONARAM O PROGRAMA ”MAIS MÉDICOS”

MAIS MÉDICOS.

MAIS MÉDICOS.

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, anunciou que 89 profissionais abandonaram o programa Mais Médicos. De acordo com Chioro, 80 são brasileiros, cinco intercambistas – fizeram faculdade de medicina no exterior – e quatro são cubanos.
Entre eles está o cubano Jaime Guerra, que fugiu para os Estados Unidos com o apoio de ONG internacional.

Chioro afirmou que o número é insignificante em comparação ao volume total de médicos. O programa registrou 6658 profissionais de saúde atuando e em março deverá ter 9448. Os profissionais afastados não correspondem a 1% do efetivo.
Esses médicos que não justificaram a ausência tem 48 horas para pronunciarem se vão continuar no programa.

Caso da médica Ramona
A cubana Ramona Rodríguez fugiu do programa Mais Médicos após considerar injusto o salário em comparação ao dos colegas. Ela se afastou e pediu asilo político ao Governo Federal.
Ramona foi contratada pela Associação Médica Brasileira (AMB) e vai trabalhar no setor administrativo, no Distrito Federal. Ela vai receber R$ 3 mil, mais alguns benefícios, como vale transporte, refeição. No total, a médica vai receber R$ 4 mil.

 

Você pode gostar...