“ÁGUA PARA TODOS” É INTENSIFICADO COM NOVOS EQUIPAMENTOS DO GOVERNO FEDERAL.

Governador Flávio Dino é cumprimentado por morador da Vila Industrial.

Governador Flávio Dino é cumprimentado por morador da Vila Industrial.

MARANHÃO – O Governo do Estado iniciou nesta segunda-feira (9) a perfuração de um poço na Vila Industrial, próximo à BR-135. Esse é o primeiro, de um conjunto de outros poços, que serão perfurados com os novos equipamentos adquiridos a partir de um convênio entre o Governo Federal e o Estadual.

Na Vila Industrial, o equipamento beneficiará mais de 800 famílias que moram na região e que não possuem água em casa. Ana Tereza Lucas, por exemplo, há poucos meses precisou cavar manualmente um poço no quintal da sua casa pela falta d’água no bairro. “Há 20 anos eu moro aqui e pra tentar resolver meu problema e dos meus vizinhos cavei um poço. Nós sempre sonhamos com esse dia, agora a nossa vida vai melhorar bastante”, disse a moradora.

O governador Flávio Dino destacou a importância das intervenções emergenciais enquanto são executadas obras nas principais redes de abastecimento de água na capital. “Estamos cuidando de todo o sistema de água e esgoto que durante décadas foi esquecido. Os novos poços ajudarão a resolver o problema de muitos maranhenses que sofrem com a falta de água”, afirmou Dino.

DAVI TELES.

DAVI TELES.

As duas perfuratrizes possuem capacidade de escavação de 500 a 700 metros de profundidade, fornecendo 40 mil litros de água por hora. As máquinas serão utilizadas para perfurar poços na Ilha de São Luís e nos municípios com menor IDH do Maranhão, com sondas hidráulicas, hastes de perfuração, reservatórios de água, caminhão e alojamento.

Os moradores da região doaram o terreno onde será construído o poço na Vila Industrial, o primeiro com as máquinas adquiridas através do convênio com o Ministério da Integração Nacional. O secretário estadual de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, ressaltou que os equipamentos ajudarão a combater o mal que assola o estado há anos. “Os equipamentos darão autonomia e dignidade às comunidades beneficiadas”, disse Neto.

O presidente da Caema, Davi Telles, lembrou que a falta de manutenção nas redes de abastecimento de São Luís agravou os problemas de falta d’água em toda a Região Metropolitana. “O fortalecimento das parcerias entre o Governo Federal, Estadual e os municípios trará grandes benefícios para diminuir o déficit do abastecimento de água no Maranhão”, disse o presidente.

Investimento em abastecimento
O ‘Água para Todos’ foi lançado em junho e visa garantir água nas torneiras da população maranhense. A ação pretende amenizar o problema histórico de falta d’água que afeta milhões no estado. Para o programa foram destinados recursos na ordem de R$ 270 milhões. Paralelamente, o projeto investe no remanejamento da adutora Italuís com reforço de vazão de mil litros aumentando em 75% o fornecimento de água na capital.

Nesta primeira etapa são contemplados tanto a capital, quanto os municípios do interior do estado, incluindo os 30 municípios mais pobres do Maranhão. No cronograma está a instalação de poços e implantação de Sistemas Plenos de Abastecimento de Água nestas regiões.

"Água para todos" Vila Industrial.

“Água para todos” Vila Industrial.

Você pode gostar...