AS CONTAS DO EX-PREFEITO BIMBA SÃO DESAPROVADAS NA CÂMARA DE VEREADORES DE ROSÁRIO.

CÂMARA DE VEREADORES DE ROSÁRIO.

CÂMARA DE VEREADORES DE ROSÁRIO.

ROSÁRIO – A câmara municipal de Rosário desaprovou, na sessão desta segunda-feira (01), as contas de gestão do ex-prefeito Marconi Bimba, exercício financeiro de 2010, que foi desaprovada também pelo Tribunal de Contas do Estado – TCE em meados do mês de junho deste ano. As contas do ex-gestor foram encaminhadas à casa legislativa, onde tramitava desde o mês de outubro para ser votada. A câmara municipal é que tem o voto final na aprovação ou desaprovação de contas de gestores, por isso o TCE encaminha para votação definitiva às câmaras municipais.

No caso de Bimba, o TCE encontrou diversas irregularidades nas prestações de contas. Porém, alguns vereadores encontraram exagero no parecer do tribunal e votaram a favor das contas do ex-prefeito. O vereador Preto do Raça (PP), por exemplo, disse, durante pronunciamento no pequeno expediente, que é importante votar com a razão, não com a emoção. Para ele, votar nas contas de alguém deve ser de consciência, estudando bem o material para não cometer injustiças.

O vereador disse que em 2010, que é justamente o ano financeiro das contas, Bimba teve sua gestão bem avaliada, onde o município encontrava-se em total normalidade administrativa, e deu votação expressiva a seus candidatos a deputado e à governadora Roseana Sarney, que nunca havia ganhado eleição no município. Segundo ele, uma prova de boa gestão.

Sandro Marinho (PSD) também comentou o relatório do TCE e disse que muitos que desejam crucificar o ex-prefeito, amanhã, os mesmos podem crucificar a atual prefeita Irlahi Linhares (PMDB).

A comissão de orçamento da câmara, responsável pelo parecer do relatório, deu parecer favorável as contas do ex-gestor. Ou seja, desqualificou a decisão do tribunal de contas.

As discussões foram longas sobre o relatório, no entanto, no final, na hora da votação do parecer da comissão, as contas foram desaprovadas por 7 votos contra 6.

Voto:

– Vereadores que votaram pela aprovação das contas do ex-Prefeito:

– Jardson Rocha (PP); Nazareno Barros (PTdoB); Preto do Raça (PP); Ademar do Sindicato (PRP); Magno Nazar (PRP); Sandro Marinho (PSD)

– Vereadores que votaram pela desaprovação das contas do ex-Prefeito

– Carlos do Remédio (SD); Jorge do Bingo (PTdoB); Pedrosa Necó (PSB); Josias Santos (PMDB); Kiko (PP); Léo Cavalcante (PTB) e Agenor Brandão (PV).

A votação só encerrou às 23h, onde ficou mantido o parecer do tribunal de contas do estado.

Mesmo com a desaprovação pela Câmara, Marconi Bimba poderá derrubar a desaprovação, por que não foram obedecidos os trâmites legais de ampla defesa. Ou seja, Bimba deveria ter sido notificado pela comissão de Orçamento (responsável pela apreciação das contas), para que fizesse sua defesa perante a Câmara Municipal, órgão que agora julga o ex-gestor. Esse erro grave da comissão pode livrar Marconi Bimba da condenação no TCE-MA.

 

Você pode gostar...