AS MUDANÇAS NA JUSTIÇA ELEITORAL.

DESEMBARGADOR-FROZ SOBRINHO

DESEMBARGADOR-FROZ SOBRINHO

 

Nesta quarta-feira (06) duas mudanças importantes aconteceram na Justiça Eleitoral. No Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão, o desembargador Fróz Sobrinho foi eleito membro efetivo da corte e assumirá a vaga da desembargadora Anildes Cruz, atual presidente da Justiça Eleitoral maranhense.

Fróz Sobrinho tomará posse no TRE no dia 25 de fevereiro. Na mesma data, os membros do Regional elegem os novos presidente, vice-presidente e corregedor do órgão. A tendência é que o atual corregedor José Bernardo seja eleito presidente da corte e Fróz Sobrinho assuma a vice-presidência e a corregedoria do TRE.

No Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a ministra Luciana Lóssio foi a escolhida para compor a corte federal como membro efetivo. A nomeação foi assinada pela presidenta da República, Dilma Rousseff, para ocupar a vaga deixada pelo ministro Arnaldo Versiani, que concluiu seu segundo mandato em novembro do ano passado.

Nomeada como ministra substituta do Tribunal em outubro de 2011, Luciana Lóssio foi a primeira mulher a ocupar uma das vagas destinadas à advocacia. Com experiência na Justiça Eleitoral, fez inúmeras sustentações orais no plenário do TSE e atuou na defesa dos então governadores José Roberto Arruda (DEM-DF), Rogério Rosso (PMDB-DF) e Roseana Sarney (PMDB-MA). É especialista em Direito Eleitoral e membro do Instituto Brasileiro de Direito Eleitoral (Ibrade).

A ministra será empossada no próximo dia 26 de fevereiro, às 19h, no plenário do TSE. A tendência é que caiba a nova ministra dar sequencia aos processos que estavam sob a responsabilidade de Arnaldo Versiani, inclusive o processo de cassação da governadora Roseana Sarney.

 

Você pode gostar...