CÉSAR BORGES É O NOVO MINISTRO DOS TRANSPORTES.

CESAR BORGES

CESAR BORGES

 

BRASÍLIA – O vice-presidente de Governo do Banco do Brasil, César Borges, foi confirmado nesta segunda-feira no Ministério dos Transportes. Ele esteve reunido com a presidente Dilma Rousseff em audiência no Planalto. Ex-governador da Bahia, César Borges é do PR. A posse do novo ministro está marcada para quarta-feira, às 09h30.

Em reunião com os senadores Alfredo Nascimento e Antônio Carlos, Dilma acordou a volta do PR para a Esplanada. O partido havia sido defenestrado da pasta em 2011, quando Nascimento foi acusado de corrupção. Com a saída de Nascimento, foi indicado para o cargo Paulo Sérgio Passos, que assumiu interinamente a pasta, em julho de 2011. Apesar de ser filiado ao PR, Passos não era reconhecido pelos integrantes da legenda como ministro indicado pela cota do partido, mas sim como escolha pessoal de Dilma.

O nome não conta com aval da bancada do partido na Câmara. Poucos minutos antes de anunciar César Borges para a pasta, a presidente telefonou ao líder do PR, deputado Anthony Garotinho (RJ), para perguntar se havia algum impedimento em relação à escolha. Garotinho teria respondido que não tem nada contra Borges, mas deixou claro que o nome não é apoiado pela bancada.

Nas últimas semanas, Garotinho e senadores do PR participaram de reuniões com Dilma para discutir a volta da legenda à base aliada. Nas conversas, surgiu o nome de César Borges, que é considerado escolha da cota pessoal da presidente. Apesar das resistências na bancada, a presidente bancou a escolha por considerar que Borges seria o único nome no PR capaz de permanecer “fora das páginas policiais”. O acordo teria sido entre Dilma e Alfredo Nascimento, sem o aval do líder na Câmara.

O deputado, assim como colegas na Câmara, revelaram a interlocutores que a escolha não foi bem recebida e que o partido ainda irá discutir se voltará para a base aliada. De acordo com pessoas próximas, Garotinho teria se sentido ignorado pela presidente, que somente o consultou na última hora. Desde que deixaram a Esplanada, os deputados do PR se consideram “independentes” do governo.

Dilma agradece dedicação de Paulo Passos

Em nota, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência diz que Paulo Passos “prestou grande contribuição ao governo e ao país”. No texto, a presidente Dilma Rousseff agradeceu sua “dedicação, empenho e espírito público”, de Passos. Sobre o ex-senador César Borges, a presidente disse estar confiante de que ele dará continuidade, “com a mesma eficiência que demonstrou no Banco do Brasil”, aos projetos que vêm sendo desenvolvidos pelo ministério dos Transportes.

Leia a íntegra da nota:

“O ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, está deixando o cargo depois de prestar grande contribuição ao governo e ao país. No ministério, Paulo Sérgio coordenou importantes ações para dar mais eficiência ao sistema brasileiro de transportes. Assumirá a pasta o ex-senador e atual vice-presidente do Banco do Brasil César Borges.

A presidenta Dilma Rousseff agradeceu a dedicação, o empenho e o espírito público de Paulo Sérgio Passos em todas as missões que lhe foram confiadas. A presidenta desejou boa sorte a César Borges, manifestando confiança de que, à frente do Ministério dos Transportes, ele dará continuidade aos projetos essenciais ao desenvolvimento do país com a mesma eficiência que demonstrou no Banco do Brasil”.

Após o anúncio, o governador da Bahia, Jaques Wagner, afirmou estar “satisfeito” com a nomeação de Borges, que é da Bahia.

“Fiquei muito satisfeito com a nomeação de um aliado do governo federal e estadual, que vai fortalecer a posição do PR no governo Dilma e na Bahia e, ao mesmo tempo, aumenta a presença de um político baiano no primeiro escalão”, afirmou o ministro, em nota divulgada pelo governo do estado. Segundo o texto, o governador foi consultado pela presidente Dilma e teria dado aval a indicação.

O ex-ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, parabenizou Borges pelo Twitter. “Parabéns a César Borges pela nomeação para o Ministério. Para a Bahia é um espaço importante”, afirmou.

Você pode gostar...