Ex-governador de São Paulo,Márcio França conta com filiação de Flávio Dino no PSB

Márcio França, Flávio Dino e Carlos Siqueira em reunião realizada no ano passado.

SÃO PAULO/SP = Terceiro colocado na disputa pela Prefeitura de São Paulo, Márcio França indicou em entrevista à Folha de S. Paulo que espera pela filiação do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), no seu partido, o PSB.

Segundo ele, essa pode ser uma saída para o comunista em virtude de possíveis problemas do PCdoB com a cláusula de barreira.

“Suponha que saia uma chapa tipo Kalil presidente da República, com Cid Gomes [senador do PDT e irmão de Ciro] vice, por exemplo. Aí acerta Pernambuco, acerta Ceará, entra São Paulo, e pronto, já está feito um enquadramento. É um eixo [possível]. O Kassab joga um papel importante aí. E há um papel importante agora que vai ser jogado pelo Flávio Dino, que eu sinto que está de mudança. Para o PSB? Acho que sim. Sou muito amigo do Flávio. Ele é brilhante. Foi o melhor deputado que eu conheci em Brasília. O movimento dele vai ser o mais importante dos próximos dias. O PCdoB está com um problema [com a cláusula de barreira]. Ou eles migram para algum canto ou vão ser diluídos”, disse França.

Do ex-governador de São Paulo, Márcio França, um dos líderes do PSB no país durante entrevista à Folha de S. Paulo sobre a possibilidade do governador do Maranhão, Flávio Dino, filiar ao Partido Socialista Brasileiro. 

Você pode gostar...