GOVERNO, MINC E ABRAÇO REALIZAM “SEMINÁRIO DE RÁDIOS COMUNITÁRIAS” PARA CAPACITAR PROFISSIONAIS DA ÁREA.

Secretário Robson Paz em reunião com professores do Departamento de Comunicação Social da UFMA para definir parceria institucional para o evento.

Secretário Robson Paz em reunião com professores do Departamento de Comunicação Social da UFMA para definir parceria institucional para o evento.

MARANHÃO – Defensora da democratização dos meios de comunicação, a atual gestão do Governo do Estado realiza, nos dias 25 e 26 de setembro, o ‘Seminário de Rádios Comunitárias’. O evento, que pretende capacitar os profissionais da área para que estejam aptos a disputar os editais de concessão do novo Plano Nacional de Outorgas (PNO) para emissoras comunitárias e educativas, é realizado pela Secretaria de Assuntos Políticos e Federativos (SEAP) e pela Secretaria de Estado da Comunicação Social (Secom), em parceria com o Ministério das Comunicações e a Associação Brasileira de Rádios Comunitárias (Abraço).

Durante dois dias, comunicadores populares participarão de palestras e debates, com a orientação jurídica e técnica de profissionais do Ministério das Comunicações. O secretário de Estado de Comunicação, Robson Paz, explica que esta é uma importante oportunidade para proporcionar qualificação aos comunicadores populares, para que possam apresentar bons projetos e obterem êxito no PNO, realizado pelo Ministério das Comunicações.

“Este é mais um passo importante que contribuirá para ampliar a democratização dos meios de comunicação no Estado, uma das prioridades do governador Flávio Dino para este segmento”, afirma Robson Paz.

A professora doutora de Rádio e TV, Rose Ferreira, da Universidade Federal do Maranhão, acredita que este pode ser um importante momento para reflexão do papel das rádios comunitárias. “A capacitação é fundamental no sentido de entender o que são as rádios comunitárias. Tem a função primeira de fazer com que as pessoas envolvidas nesse processo compreendam que são participantes de um processo comunitário”, destacou a professora Rose.

Para discutir parceria com a Universidade, o secretário de Comunicação, Robson Paz, esteve reunido na quinta-feira (17) com professores do Departamento de Comunicação Social, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), quando ficou definida a parceria institucional para o evento.

Seminário
O seminário, que terá como tema ‘Orientações para Novas Outorgas’, capacitará os comunicadores populares para assegurar que os 29 municípios maranhenses contemplados no PNO participem da seleção e consigam garantir a abertura de novas emissoras. A abertura dos editais de seleção está prevista para o início de 2016.

“Nós estamos trabalhando para por fim naquilo que acontecia no passado, em que mais de 80% das concessões acabavam não se concretizando em face da grande dificuldade da apresentação dos documentos. Eram 33 documentos, o Ministério das Comunicações reduziu para apenas sete, e, a partir desta qualificação, esperamos que tenhamos êxito pleno, de 100%, que todos os municípios maranhenses contemplados consigam obter as concessões e possam estabelecer este importante processo da comunicação comunitária”, disse o secretário Robson Paz.

Os municípios contemplados para obter outorgas de novos serviços de radiodifusão no Maranhão são: Água Doce, Aldeias Altas, Alto Parnaíba, Amarante, Balsas, Barão de Grajaú, Cajari, Campestre, Codó, Colinas, Grajaú, Itapecuru, Itinga do Maranhão, Lago do Junco, Maracaçumé, Matões, Olho d’Água das Cunhãs, Paço do Lumiar, Penalva, Pio XII, Presidente Juscelino, Sambaíba, Santa Quitéria, Santo Amaro, São João Batista, São Luís, Tasso Fragoso, Timon e Tutóia.

Hotsite
Para reunir informações sobre o evento, o Governo do Estado já disponibilizou um endereço eletrônico. No hotsite, podem ser feitas as inscrições para o evento até este domingo (20) e as entidades de 29 cidades maranhenses que serão contempladas com novas rádios comunitárias podem buscar detalhes sobre o Seminário.

 

Você pode gostar...