JUSTIÇA MANDA AFASTAR PREFEITO EDVAN COSTA DE MARAJÁ DO SENA.

Edvan Matos, prefeito afastado de Marajá do Sena

Edvan Matos, prefeito afastado de Marajá do Sena.

MARAJÁ DO SENA – A Justiça maranhense decidiu afastar do cargo mais um prefeito do Maranhão por irregularidades. Hoje foi a vez do município de Marajá do Sena. Manoel Edvan Oliveira da Costa terá que deixar o comando da prefeitura por 90 dias, até que seja concluído o inquérito da Polícia Civil que apura crimes de agiotagem no município.

Foi exatamente por suspeitas da participação em esquemas com agiotas que em maio deste ano, o prefeito Edvan Costa acabou sendo preso na Operação Maharaja da Polícia Civil e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público. Na ocasião, Edvan foi conduzido para a sede da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) mas foi liberado.

Porém, de acordo com o delegado Roberto Vagner, presidente da Comissão de Investigação de Agiotagem da Polícia Civil, foram comprovadas irregularidades no fornecimento da merenda escolar em Marajá do Sena. Após a conclusão do inquérito policial, a situação do prefeito, agora afastado, e dos outros envolvidos está nas mãos da Justiça.

 

Você pode gostar...