Morre aos 92 anos, o desembargador do TJ/MA Arthur Almada Lima Filho

Desembargador aposentado Arthur Almada Lima Filho.

MARANHÃO – O desembargador aposentado Arthur Almada Lima Filho, de 92 anos, morreu vítima de problemas cardiorrespiratórios na manhã desta quarta-feira (27), na capital maranhense, São Luís. O ilustre caxiense atuou ao longo da sua carreira como desembargador, educador, escritor, pesquisador, reitor, além de fundador e presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Caxias.

O corpo será cremado atendendo um desejo pessoal do desembargador manifestado há muito tempo. As cinzas  serão lançadas no Morro do Araim, próximo à BR-316, em Caxias, em data ainda a ser confirmada. Esse morro é o local, onde Arthur Almada e seus irmãos brincavam na infância. Arthur Almada deixa cinco filhos, nove netos e viúva, a professora universitária Antônia Miramar Alves Silva (UEMA).

Você pode gostar...