PORTAL DO MUNIM VISITA A SEGUNDA CIDADE MAIS ANTIGA DO MARANHÃO

086

PRAÇA DE ICATU

 

PREFEITO DE ICATU DUNGA

PREFEITO DE ICATU DUNGA

 

UENESON RONNEY-SECRETÁRIO DE CULTURA

 

LAZER NA PRAÇA

LAZER NA PRAÇA

 

RUAS DE ICATU

RUAS DE ICATU

O prefeito eleito da cidade de Icatu,Dunga do partido DEM obteve 4.446 votos sendo 28.46% do eleitorado de Icatu. Tem uma árdua luta para normalizar secretarias,quadro de funcionários e debitos deixados da gestão anterior, já começou a mostrar o efeito de sua administração,trabalhando na parte cultural da cidade,onde para essa pasta foi nomeado o jovem Ueneson Ronney, a pessoa certa que gosta de cultura e ama sua cidade,que é um dos mais jovem secretario de cultura do Maranhão.

Onde conversando com o secretario de cultura o mesmo promete de resgatar: os valores,de diversas danças folclóricas,bumba-meu-boi e o potencial do municipio.Veja o histórico da cidade:

HISTÓRICO

Formação Administrativa.

Vila de Icatu, inicialmente, chamou-se Arrayal de Santa Maria de Guaxenduba,
denominação dada pelo seu fundador Jerônimo d’ Albuquerque Maranhão. Adquiriu categoria de
Cidade em 1924.
Segundo Varnhagen, o topônimo Icatu ou Hycatu significa Pontes Boas. Já Ayres Casal a
traduz por Águas Boas.

A cidade de Icatu está localizada a 115 quilômetros da capital, e conta atualmente, com uma população estimada em 25.147 habitantes.

Fundada em 26 de Outubro do ano de 1614, logo após a Batalha de Guaxenduba, foi o primeiro núcleo habitacional português no Maranhão. Na época, recebeu a denominação de Arraial de Santa Maria de Guaxenduba, isso porque os portugueses que aqui chegaram, desembarcaram em uma de suas praias, chamada “Santa Maria”. Somente tempos depois, a localidade veio a chamar-se ICATU.

Tais fatos, envoltos em muita história, a fizeram a segunda cidade mais antiga do Estado, perdendo apenas para a capital, São Luís. Junto aos portugueses vieram os escravos, para trabalharem nos engenhos, que fizeram de ICATU, um dos maiores produtores da canadeaçúcar do Maranhão. Em razão disso, o município possui, atualmente, 30 comunidades quilombolas.

A economia de Icatu baseiase ainda hoje, na agricultura, no comércio e na pesca artesanal. A produção da farinha de mandioca, para consumo local, é prática muito comum das comunidades. O município, também encanta pela sua cultura e potencial turístico. Dentre as manifestações da sua gente, sempre muito hospitaleira, Bumba-meu-boi, Dança de São Gonçalo, Reisado e Tambor de Crioula, merecem destaque. Como destaque, também merecem as suas belas praias, um relaxante banho às margens do rio Munim, tudo regado a uma deliciosa arraia ao leite de coco.esta é a cidade de Icatu.

 

 

 

 

Você pode gostar...