Sindicato dos Jornalistas divulga nota de repúdio contra intimidações aos profissionais da imprensa

LIBERDADE DE IMPRENSA.

MARANHÃO = O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de São Luís divulgou uma nota de repúdio contra as intimidações que sofrem os comunicadores durante os períodos pré-eleitorais, com a judicialização de toda publicação que pode ir de encontro a interesses políticos.

Como defensor da democracia e da liberdade de expressão, este blog coaduna com o repúdio a todo tipo de censura.

Confira a nota na íntegra:

NOTA DE REPÚDIO

Como sempre acontece em períodos pré-eleitorais, já se iniciaram as intimidações contra os comunicadores, de forma a prevalecer, de forma velada, a LEI DA ROLHA, com a judicialização de qualquer publicação que vá de encontro aos interesses políticos dos grupos.

A primeira vítima de que se tem conhecimento foi o jornalista Raimundo Garrone, que no seu blog fez uma denúncia contra um gestor municipal que teria aplicado de forma estrábica, recursos oriundos de emendas direcionadas por um parlamentar, então pretenso candidato à Prefeitura de São Luís. Foi processado, acusado de praticar propaganda negativa contra o parlamentar que ainda não tinha candidatura oficializada. E a denúncia não foi contra o pretenso candidato, que foi citado apenas como o autor das emendas, sem qualquer participação na destinação dada aos recursos.

Outros jornalistas também deverão sofrer este mesmo tipo de pressão, o que repudiamos com veemência, visto que as atitudes de intimidação e até condenações ao pagamento de multas e outras sanções, não contribuirão com democracia e liberdade de expressão.

A DIRETORIA.

Você pode gostar...